Albânia

ALBÂNIA-do Lago Koman a Valbona

Estou em Shkoder de novo depois da minha breve passagem por Tirana e Berat. A manhã chegou com náuseas e vómitos. Algo comido na véspera está a dar luta no meu estômago. Logo hoje que tenho programado “só” uma das dez mais belas viagens de barco do mundo e uma estadia num dos locais mais idílicos dos Balcãs cada vez mais frequentado por intrépidos mochileiros de todo o mundo, as montanhas de Valbona.

Os transportes na Albânia não são dos mais fáceis do mundo, isso é verdade. Assim, para esta viagem até aos Alpes Albaneses-Valbona optei pela forma mais fácil que foi contratar o serviço completo no hostel onde pernoitei pela boa quantia de 25€ só ida e alojamento. Ou seja: Continue Reading

Albânia

Albânia-Berat e um pouquinho de Tirana

É sempre assim. Em viagem quando temos tempo limitado e estamos dependentes de transportes há que fazer opções.

Foi o que fiz na Albânia ao querer chegar a Sarajevo na Bósnia-Herzegovina com o tempo necessário para poder usufruir da cidade. Como tal, decidi durante os dias que reservei para a Albânia “cortar” 1 ou 2 noites que tinha idealizado para Tirana, a sua vibrante capital. Continue Reading

Albânia

Albânia- Cidade de Shkoder

Meus caros, durante a minha pré-pesquisa à região dos Balcãs, fiquei com a percepção de que os pontos altos da viagem, ou, recorrendo a um estrangeirismo os “highlights“, seriam: Sarajevo na Bósnia-Herzegovina Albânia no seu todo. Agora, e depois de algum tempo após a viagem as dúvidas (se é que exisitiam) dissiparam-se completamente.

Continue Reading

Bósnia-Herzegovina

Mostar, entrada a fundo na Bósnia-Herzegovina

Stari Most

Meus caros leitores, compreendo que poderão achar estranho, mas visitar a Bósnia-Herzegovina foi sempre um dos meus maiores desejos, e prioridades. Mais até do que caminhar até ao Machu Pichu, percorrer a própria muralha da China, sentir-me pequenino junto às pirâmides de Gizé ou “mochilar” pelo Sudeste asiático. Continue Reading

Omã

Montanhas de Omã

Para quem já pesquisou algo sobre Omã certamente já reparou que este país foi abençoado no que diz respeito às suas montanhas.

Impressionam mesmo. Para mim que sou leigo na matéria a nível geológico, diria que me impressionam devido ao seu formato e grandiosidade e ao tipo de rocha que as compõem. São mesmo diferentes de tudo o que tinha visto. Continue Reading

Omã

FORTE BAHLA Património Unesco/CASTELO JABREEN-Omã

Decididamente Nizwa foi a melhor escolha para servir de base de visita ao Forte de Bahla e ao castelo de Jabreen.

Do primeiro distam cerca de 45km e do segundo acrescentem mais 8 na mesma direcção. Como tinha carro alugado optei por visitá-los em dias diferentes. Se estiverem com um passo mais apressado, uma manhã é suficiente para ver estes lindos monumentos de Omã. Continue Reading

Omã

NIZWA-Omã, e o seu “Mercado das Cabras”

Cheguei a Nizwa de autocarro vindo de Sur com uma paragem rápida em Muscat. 

Devido à maior proximidade entre as várias atracções que pretendia visitar na região, tinha decidido estabelecer esta antiga cidade omanita como”base”, e por conseguinte seria aqui onde passaria mais dias consecutivos na minha aventura em Omã Continue Reading

Omã

OMÃ-SUR, rendi-me ao primeiro olhar.

Depois da emocionante e cénica viagem de barco tradicional pela Península de Musandam e da chegada épica ao pôr do sol ao porto de Mutrah em Muscat, só pensava:”Será que Omã ainda me irá surpreender?” Pois a resposta está muito clara neste post.

Nas minhas pré-pesquisas de viagem tinha já ficado desconfiado de que iria gostar desta cidade. De facto não gostei, fiquei decididamente “apanhado” . Sei que sou algo fácil no que diz respeito a amor em viagens, tendo a ver tudo o que é positivo, porquê ? Talvez porque viajar é uma paixão . Aqui, foi amor à primeira vista. Continue Reading

Omã

Omã-Musandam, a “Noruega das Arábias”

Após um dia passado na bela Muscat abdiquei de dormir num hotel e lá fui eu para o Aeroporto. Não, não iria regressar. O meu próximo destino em Omã fica separado fisicamente do resto do Sultanato, faz fronteira unicamente com os Emirados Árabes Unidos e “aponta” directamente para o Golfo Pérsico e Estreito de Ormuz, uma das vias marítimas mais movimentadas do mundo. Continue Reading